• Nós da Casa Branca

Caridade e voluntariado: Faça parte!!

Autora: Silvana Pareja


Para conquistar seus objetivos e cumprir plenamente a sua missão, a Casa Branca do Caminho, fora a assistência espiritual, mantém vários projetos sociais, como o serviço da Assistência à Família Casa da Editinha, que abrange o atendimento psicológico e ginecológico, o Grupo de Valorização da Família, a distribuição de roupas e sopas, além do apoio assistencial a Casa dos Velhos Irmã Alice. São projetos que têm por objetivo promover o desenvolvimento social para pessoas em situação de vulnerabilidade, oferecendo novas oportunidades que melhoram a qualidade de vida.



Por meio de ações diárias ou pontuais, promovidas pelos voluntários, é possível a arrecadação de fundos para sustentar os projetos e ampliar o atendimento. São realizados almoços, bingos, feira do livro, chás beneficentes, festa junina, sacolinhas de Natal, sopas e distribuição de roupas, entre outros. Além disso, ainda são confeccionadas as Rosas da Mãe Doca, produção de artesanatos e o Bazar, que está localizado ao lado da Casa Branca do Caminho.




A essência do ser humano está na caridade e amor ao próximo, onde encontra a razão e o sentido pleno no exemplo deixado pelo Mestre Jesus. Doando um pouco do seu tempo ou de recursos, é possível ampliar a dimensão do outro, e na maioria das vezes, percebemos que o nosso problema é muito pequeno diante da realidade de muitas outras pessoas e, assim, reforçar os conceitos de cidadania.



Existem várias formas de auxílio, seja por meio de doações de roupas, alimentos e objetos, apoio empresarial, ajuda financeira e etc., mas a mais simples delas é a assistência voluntária. Sem dúvida, a participação social no conceito de voluntariado, pela simples consciência da necessidade em ajudar o próximo, pode proporcionar mudanças sociais significativas.



Ao dedicar uma parte de seu tempo no auxílio ao próximo é possível transformar a realidade de muitas pessoas. O trabalho voluntário de assistencialismo promove mudanças e tem um impacto direto na cura, proporciona o aumento da autoestima, promove a confiança e renova as esperanças. Além disso, o voluntário se tornará uma pessoa mais realizada e completa na essência do ser humano, trabalhar para a diminuição da desigualdade social e das diferenças, em prol de uma sociedade mais justa, mais feliz, com base no progresso moral do ser humano, amplia o próprio desenvolvimento pessoal. Como o Mestre Jesus nos ensinou, “Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei”.


Faça parte dessa história e seja a diferença na vida de muitas pessoas para a construção de um mundo melhor!


Por: Silvana Pareja


#fazeradiferenca #porummundomelhor #doarmeutempo #mestrejesus #ajudaeapoio

45 visualizações